Brincando na casa do biso

Categorias: Depoimentos Filhos Mães
Feliz da vida tomando
banho de mangueira!
O tema brinquedo e brincadeira talvez seja o mais abordado aqui no blog e depois de alguns dias de férias na casa do biso e da vovó, não poderia deixar de falar sobre ele novamente.
Viajamos de SP a Santa Catarina com o carro cheio, nada de exageros, mas carrinho de passeio e sacola de brinquedos ocupam um bom espaço no porta malas. Todas as vezes que venho pra casa da minha mãe, trago algo que deve ficar na casa dela, já que este é nosso destino de viagem sempre que possível. Temos quase uma segunda casa, com berço, banheira, roupas de cama, shampoo e agora uma piscina e brinquedos de praia, além dos presentinhos que o biso andou comprando. No dia das crianças o Pedro ganhou um balanço e de Natal, duas bóias de braço, uma bem simples sem desenho nenhum que segundo meu avô é a bóia de treinamento, e outra com o Nemo, que é pra quando ele estiver nadando feito peixinho.
Já mencionei em outro post que a casa do meu avô fica a 2 metros da areia da praia, na maré cheia a água quase nos alcança na varanda. Um realidade completamente diferente da selva de pedra que é São Paulo. Nada de transito, o celular mal pega, a água vem do morro e é tão limpa que ninguém compra água mineral, tem um quintal enorme em volta da casa e nós ficamos com vontade zero de sair daqui.
Pedro parece se sentir totalmente em casa, reconhece todo mundo e não estranha nada na casa e nem fora dela. Desde que chegamos, seu programa favorito é sentar e brincar, as vezes com o baldinho, as vezes com as pedrinhas do quintal, se for contar, o baldinho e os brinquedos não chegam a uma dúzia de itens, mas parece um mundo de novidades quando ele está num ambiente diferente. O mais legal de tudo é ve-lo se divertindo com a piscina, com os copinhos que já consegue encher de agua, dando alguns passinhos na areia, embora não goste muito. Além dessas brincadeiras, outras que me fazem voltar à infância também tem feito sucesso por aqui, dias atrás ele descobriu que brincar com a agua da pia pode ser muito divertido, ele fica tentando segurar a água e de vez em quando bebe um pouco. Hoje meu tio foi encher a piscininha e deu a mangueira pra ele segurar, foi uma molhadeira só, mas só de ouvir ele dar gargalhadas achando graça já valeu a pena.
Hoje, longe de casa e vendo ele brincar livremente pelo quintal, mas faz repensar a vida na selva de pedras, além de sentir saudades da época em que eu era criança e tomar banho de mangueira era divertidíssimo.
Em São Paulo o Pedro tem muitos brinquedos, nada exagerado, mas o suficiente para mante-lo ocupado e entretido por algumas horas, mas nada o deixa mais feliz do que brincar no quintal só de fralda, seja com seu brinquedos, seja com a pedrinha ou algo parecido que achou pelo chão.
Espero que ele possa curtir tantas outras férias por aqui, e que sinta prazer nas coisas mais simples, que ele possa se divertir com pouco, ou com qualquer coisa sem sentir-se frustrado ou entediado. Que suas gargalhadas estejam sempre presentes e o seu sorriso lindo, sempre estampado em seu rosto.

Deixe seu comentário