Não sei como desfraldar minha filha

Categorias: Cuidados/Saúde Desenvolvimento Filhos

Eu que sempre falei sobre o desfralde no tempo da criança e sempre defendi o desfralde respeitoso, imaginando que esta seja a forma mais natural e tranquila para uma criança sair da fralda. Não sei como desfraldar minha filha!

Se o desfralde é respeitoso e a criança está pronta você não precisa desfraldar certo? Eu acredito muito nisso, até porque esta foi a experiência que vivi com o Pedro, meu filho mais velho. Com a Olivia a estória é um pouco diferente.

A Pirulita sabe quando vai fazer xixi e cocô, avisa quando fez e pede para trocar a fralda quando faz um ou outro, no entanto se recusa a fazer qualquer coisa no vaso ou no redutor de assento. quando pergunto qual o lugar certo de fazer xixi, ela prontamente responde: no vaso! Quando eu pergunto onde ela fez o xixi, ela prontamente responde: na fralda!

Olivia segura o xixi, para fazer quando entra no banho, avisa quando vai fazer cocô, pede para trocar a fralda e reclama quando está molhada, mas nada de querer usar o vaso. Eu não curto penico, na verdade tenho um certo pavor dele e da sensação de sujo, mas será que pode ser uma alternativa?

Tenho um redutor de assento com escada, cheio dos paranuês que ela acha divertido, mas sentar que é bom, nada!

2 anos e 9 meses e eu achando que ela sairia da fralda sozinha e cedo, bem cedo. Será que me enganei ou será que sou eu quem não exergo uma alternativa que a deixe segura? Sigo resistindo ao penico, ou aqueles troninhos que só faltam falar, mas será que vale a tentativa?

Amanhã vou montar o redutor de assento com o penico acoplado e ver se ela se anima. Pedro adorava ele, mas deixou de usar super cedo e prefere o vaso comum.

Eu, justo eu, que achava saber muito sobre desfralde e tinha a mais absoluta certeza de como seria com a Olivia, não sei como desfraldar minha filha!

Leia sobre o desfralde no tempo da criança!

1 comentário

  1. Silvia disse: em 22.09.2017

    Olá,
    Também estou com esse problema, minha filha se recusa a usar o vaso e já sabe quando precisa.

Deixe seu comentário