Você tem tido tempo para os seus filhos?

Categorias: Comportamento Mães

Quando pergunto se você tem tido tempo para os seus filhos, eu me refiro aquele tempo bem aproveitado, de qualidade, sem interferências, sem celular apitando, sem criança chamando a sua atenção o tempo todo.

Aquele tempo que gostamos de receber de um amigo, namorado ou marido e que por diversas vezes, não oferecemos aos nossos filhos.

Tempo, aquele cruel, que não desacelera, que não perdoa e não volta atrás. Aquele que somente a gente pode organizar e decidir o que fazer com ele.

Quando eu parei de trabalhar, eu tinha plena consciência de que estaria mergulhada na rotina diária de uma casa cheia de crianças, mas não imaginava, que fosse precisar de longos períodos em silêncio e sem os filhos por perto para poder de reorganizar e conseguir manter minha cabeça em ordem.

Ouvi de uma mãe no filme O começo da Vida a seguinte frase: não existe tempo de qualidade enquanto vivemos sem tempo para tudo. Se fosse assim, combinaríamos com nosso chefe, uma jornada de trabalho de 2 horas por dia. Afinal a qualidade supera a quantidade.

Acho que nem uma coisa nem outra, quando separadas. Para que tenhamos tempo de qualidade com nossos filhos, precisamos ter um tempo que não seja aquele último minutinho livre, que não seja no meio de uma ligação, que não dure só 10 minutos. Que seja um tempo o entre mãe e filho ou pai e filho, onde ambos se envolvam e aproveitem da melhor forma possível. Tempo que não se conta no relógio, tempo que não precisa ser apressado, tempo que não precisa ser regulado.

É preciso disposição para acompanhar o ritmo de uma criança, é preciso jogo de cintura, senso de humor e muito mais.

Você olha para o seu filho tanto quanto olha para o seu celular?

Eu não sou aquela mãe maravilhosa que senta e brinca horas com os filhos, aliás é o que eu menos faço e luto contra isso todos os dias, mas meu tempo é dedicado de diversas outras maneiras.

Posso passar horas deitada numa rede conversado e cantando com eles, posso passar horas no transito contando histórias e falando sobre carros e caminhões. Preparo lanchinhos e conto estórias sobre os ingredientes, deito junto para assistir televisão, dou comida na boca se necessário e estou sempre por perto.

Tempo de qualidade não precisa ser cronometrado, muito menos dedicado apenas a brincadeiras. Esteja presente, , SEJA presente, ofereça ajuda, observe, eduque, cuide, isso tudo é uma forma de dizer EU TE AMO FILHO.

Deixe seu comentário