Adenoide e as infecções que vem com ela

Categorias: Cuidados/Saúde Desenvolvimento Filhos Saúde

adenoideAdenoide ou carne esponjosa como era chamado antigamente, é o principal causador das otites e amidalites. Este tecido cresce até aproximadamente 2 anos de idade e quando atrapalha a respiração ou colabora para as infecções de ouvido, deve ser retirada.

O otorrino que cuida de todos aqui em casa sempre diz: crianças devem dormir de boca fechada, respirar pelo nariz e não devem roncar. Se esta não for a condição normal da criança, precisa investigar o que está causando essa bagunça na respiração.

Respirar pela boca pode comprometer o desenvolvimento dos seios da face, desalinhar os dentes e deixar o céu da boca mais profundo. Existem alguns dentucinhos na vida adulta que ficaram assim não pelo uso da chupeta ou dedo e sim pela respiração.

Aqui tivemos duas experiências com a adenoide. Pedro que tinha uma adenoide aumentada em torno de 80% e otites de repetição. Tinha sono agitado, respirava pela boca e teve perda auditiva. Depois de operado recuperou a audição e respira normalmente pelo nariz. Olivia tinha adenoide em torno de 95%, apneia, ronco e otites de repetição. Ela dormia mal, acordava por conta da apneia e foi deixando de ouvir ao longo das otites. Hoje ouve normalmente e já fala praticamente tudo.

Pedro foi operado aos 2 anos e 5 meses quando descobrimos a otite media secretora, aquela que não dói, não dá febre mas causa outros enormes transtornos como a perda audiva e consequentemente atrasos de linguagem. Olivia foi operada aos 9 meses depois de 3 meses administrando antibióticos sem resultados satisfatórios, ter mais problemas no sono e começar a perder a audição.

A otite geralmente acontece por algum motivo e geralmente a vilã da história é justo a adenoide, então por isso o médico deve investigar a qualidade auditiva e também fazer um RaioX de cavum para verificar a adenoide. Alguns médicos pedem uma nasofibrolaringoscopia. Acho bem invasivo e minha tendência é gostar mais dos médicos que se garantem com um RaioX, mas cada conduta é uma conduta e não cabe a mim julgar se é melhor ou pior.

Infelizmente tem muita criança com adenoide e consequentemente com otites e perdas auditivas na mão de péssimos profissionais que sequer pedem exames investigativos. Também temos aqueles que operam o ouvido e deixam a adenoide para trás. Geralmente esta criança continua roncadora e futuramente precisará operar a adenoide, algo que poderia ter sido resolvido numa cirurgia e anestesia só.

Por tudo que li neste último ano, adenoide pode ter relação com pré disposição familiar, então se os pais tiveram e operaram, os filhos que roncam ou dormem de boca aberta, provavelmente tem adenoide aumentada que precisará ser removida.

Tem muito médico que tenta por meses usar corticóide tópico e oral a fim de diminuir o tamanho da adenoide. Até hoje, dos mais de 60 relatos que recebi por email ou no blog, nunca vi sucesso neste tratamento. Então quando me perguntam o que acho de esperar 3, 6 ou mais meses para ver se a coisa melhora e a adenoide diminui, a minha resposta é sempre a mesma: acho perda de tempo e considere trocar de médico. Por experiência própria, aprendi a duras penas que quanto mais esperar, mais demorada será a recuperação depois. Não em termos de dor, mas em termos de fala, desenvolvimento e socialização.

Existem muitas crianças sendo diagnosticadas com autismo quando na verdade não ouvem, assim como existe autista que nunca foi a um otorrino para saber se a parte auditiva está bem.

Encontrei no site do Drauzio Varella um texto sobre adenoide que pode ajudar. Simples e didático como tem que ser.

Boa leitura!

Adenoide é o nome de dois pequenos conglomerados de tecido linfoide, que se localizam na rinofaringe, região situada atrás das cavidades nasais e acima do palato mole (céu da boca).  Adenoide não é o nome de uma doença. Assim como as amídalas (ou tonsilas palatinas), elas são órgãos que fazem parte do sistema imunológico e produzem anticorpos. Conhecidas popularmente como carne esponjosa, constituem um mecanismo de defesa contra a invasão de agentes estranhos ao organismo. 

As adenoides, que não são visíveis quando a pessoa abre a boca, aumentam de volume nos primeiros anos de vida, mas começam a regredir por volta dos seis, sete anos de idade. Como nariz, garganta e ouvido se comunicam internamente, as adenoidites (processo inflamatório) de repetição ou hipertrofia das adenoides (crescimento muito rápido), além de prejudicar a respiração, podem obstruir a abertura da tuba auditiva (ou trompa de Eustáquio), um canal de comunicação entre o nariz e o ouvido médio, e gerar complicações como otites e perda auditiva. (Leia mais…)

59 comentários

  1. Rose Poli disse: em 02.09.2016

    Olá Gabi…post muito bom..super interessante a como uma coisa. Leva a outra né adenóide com perda Audiva…Estou nessa luta .com meu filho de 2 anos e 7 …e vou conseguir reparar essa perde.Abracos nos vemos no próximo post 😉😘

    1. Gabriela Gama respondeu: em 02.09.2016

      Vai dar tudo certo. Logo vc vai resolver isso tudo!

  2. Darruliene Palermo disse: em 03.09.2016

    Minha filha tem 1 ano e 5 meses, e desde sempre desconfiei da respiração dela, ai com pouco mais de 1 ano descobri a adenoide, e a 2 meses atrás descobri tbm que ela tem rinite alérgica, (herança da família paterna). Já tomou antibióticos e tratamento com corticoides, noto uma melhora. Mas depois volta outra vez. Agora está fazendo tratamento com singulair 4mg, não to notando melhoras. Essa noite ela acordou aos gritos pq o nariz estava entupido e não conseguia respirar, levei ela no ps, está fazendo inalação, médico disse que a garganta dela está um pouco irritada… sei que é muito difícil, todos sofremos… 😰😰😰

    1. Gabriela Gama respondeu: em 03.09.2016

      Nossa mas Singulair sequer serve para tratar adenoide. Aliás, adenoide se opera e não fica recebendo medicamentos. Considere buscar outro médico!

  3. Ananka disse: em 03.09.2016

    Meu filho tem adenoide grau 1, descobrimos no inverno passado quando ele tomava diversos tipos de remedios para tosse e nada adiantava! O pediatra passou bombinha flixotide vc acha que nao adianta tambem? Pq ele teve uma melhora significativa, mas ainda tem as tosses!

    1. Gabriela Gama respondeu: em 03.09.2016

      Para mim se os problemas continuam melhores ou piores por conta da adenoide, eu acho melhor retira-la é simples e indolor, mas muitos médicos não tem segurança em operar criança o que é um absurdo mas isso não vem ao caso. Aqui já usamos essa bombinha mas para outras doenças. Não acredito nesses tratamentos paliativos, mas isso é uma opinião muito pessoal.

    2. Gabriela Gama respondeu: em 03.09.2016

      Ananka desculpe mas grau 1,2,3 e 4 utiliza-se para classificar a amídala e aí sim o tratamento está correto a adenoide classifica-se por %.

      1. Paula Lacerda respondeu: em 14.09.2016

        Bom.. Eu sou mae do Rafael de 3 anos. E esse ano devido a complicações respiratórias descobrimos a tal adenóide e a amídalas mt grande
        Fomos em 3 médicos um pediu raio x e disse da tal cirurgia
        Mas eu simplesmente não tenho plano de saúde e nem condições de fazer ela particular. 3mil$
        Estamos numa luta eu e ele durante as madrugadas eu gestante de 7meses. 🙁
        Tem dicas de algo que alivia ate eu poder fazer essa cirurgia ???

        1. Gabriela Gama respondeu: em 14.09.2016

          Paula, bom dia!

          Quando existe adenoide aumentada e amídalas também, não o que fazer. Todo e qualquer medicamento utilizado só sobrecarregará o fígado e outros órgãos de não fará efeito. Fico triste por perceber que não tem como fazer a cirurgia, mas feliz por saber que achou um médico que a faça por um preço tão barato pois a média é de 7 mil fora hospital 🙁
          Infelizmente depender do SUS é desesperador e eu não faço ideia de como vc possa resolver o problema. Já tentou uma vaquinha em família, rifa, coisas assim?

        2. Luana respondeu: em 19.09.2016

          Bom dia. Meu filho tem 80% da adenóide aumentada e amidalite grau 4. Clinicamente cirúrgico, dormia de boca aberta, mas não tem perda auditiva e nemhuma outra complicação. Descobrimos o ano passado por conta da otites e inflamações de garganta. A otorrino dele pediu para que fizessemos um tratamento antes que consiste apenas em lavar o nariz com soro, sem medicamento algum, lavamos várias vezes ao dia. Hoje ele não dorme mais de boca aberta, nunca mais teve otites e infecções de garganta, melhorou até a asma, ele usava medicação continua e há 7 meses não precisa mais.

          1. Gabriela Gama respondeu: em 19.09.2016

            Luana, seu caso é atípico, e que bom que escapou da cirurgia, mas clinicamente nem todos tem resultados e lá na frente os prejuízos são maiores.

  4. Dênis SM disse: em 07.09.2016

    Adenoide é um problema realmente.
    Passamos por esse problema com o nosso filho mais novo. Alguns sustos bem grandes: lembro do dia que ele quase desmaiou sufocado, por não conseguir respirar direito.
    Mas foi a bastante tempo atrás, lembro que chegamos a ir a uns 2 ou 3 médicos diferentes na época. Por fim, meu filho acabou passando pelo procedimento de retirada da adenoide e hoje está tudo bem!
    ;]

  5. Luana Veloso disse: em 16.09.2016

    Boa noite,
    Meu filho está com 6 meses e foi diagnosticado 90% de obstrução devido a adenóide,(na minha família tds tiveram…) o médico (pediatra e otorrino) indicou esperar mais 2/3 meses para da fazer a cirurgia pois está muito pequeno. Assim durante esse tempo usar medicação….
    Pensei em ” questionar ” na próxima consulta, em retirar as amídalas tbm…
    Não “dormimos ” desde seus 2 meses….estou ansiosa pela cirurgia para ver se melhora tanto a respiração quanto as noites…
    Tem alguma dica ou algo do tipo?!
    Obrigada, sempre nos ajuda com os seus Post…
    Bjos

    1. Gabriela Gama respondeu: em 16.09.2016

      Luana tudo bem? Seu pequeno operará com a idade em que a Olivia operou. foi muito tranquilo viu. Sobre as amídalas, só se retira se elas são muito grandes e causam algum dano, senão elas ficam lá. A retirada preventiva não é mais indicada como há 20 ou 30 anos atrás. Olivia não retirou as amídalas e respira super bem!

  6. Mariana disse: em 16.09.2016

    Gabi, quando descobriu a adenoide dos meninos? Tô com um bebê de cinco meses com todas esses sintomas e a otorrino passou corticoide para ele.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 16.09.2016

      Sugiro procurar um outro otorrino para comparar o tratamento, de preferência sem contar que já tem um otorrino cuidando.

  7. Joyce disse: em 18.09.2016

    Olà! Meu bebê não tem quase otites nem infecções , apenas rinite. Tem um ano e nove meses mas quando dorme respira de boca bem aberta. As vezes com a língua no céu da boca. Será que pode ser adenoide? A noite tbm não dorme inteira. Já levei em otorrino e dizem que é porque a boca relaxou e abriu durante o sono.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Procuraria uma segunda opinião!

  8. Viviane disse: em 18.09.2016

    Minha filha com poucos meses de vida já se notava um roncado forte, tomou antibióticos em série, descobrir que o problema era adenóide, mas não tive coragem de realizar a cirurgia. Com o passar dos anos ela foi ficando mais resistente. Hoje tem nove e dificilmente tem otites, amigdalite ou bronquite por repetição, mas aquele velho congestionamento nasal persite.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Viviane é uma questão muito pessoal, os danos pela não cirurgia poderão ocorrer mais para frente como cirrose medicamentosa, deformações na arcada dentária, problemas de respiração entre outros.

  9. Juliana disse: em 18.09.2016

    Minha filha ira operar também e o medico recomendou tampao de 6 m a 1 ano, mas, minha prima operou e nao precisou, sabe dizer o porque? Obrigada

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Juliana, na verdade não é tampão e sim tubo de ventilação ou carretel. Cada caso é um caso e algumas crianças não tem liquido acumulado atrás do ouvido o que descarta a utilização dos tubos. Mas quer saber, opinião de quem já teve tubos, tem um filho que teve e tem uma filha que teve, caiu e recolocou: os tubos são a nossa tranquilidade em relação à perda auditiva, infecções graves e dores de ouvido. Veja ele como seu melhor amigo de agora em diante e sim, se vc me perguntar o que acho, respondo: todo mundo que tem adenoide e já teve alguma infecção de ouvido ao longo dos primeiros meses ou ano de vida, deveriam colocar o tubo.

  10. Darlene Cristina disse: em 18.09.2016

    Oi meu filho roncar e dormer com a boca aberta levei ele, a médica me disse que ele tem e as amídala grande e que ele tem e renite ele tinha na época era 4 anos tomou remédio,hoje ele tá com 7 e ta a mesma coisa o quê você né orienta a fazer obrigado

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Minha sugestão é de que você procure um bom otorrino para avaliar a retirada ou não das amídalas e outras questões respiratórias.

  11. queila disse: em 18.09.2016

    Meu filho dormi muito de boca aberta em algumas posições, ele baba muito quando esta brincando, sera q ele tem adenoide tbm.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Acredito que vc deva procurar um profissional habilitado para isso.

  12. Marcella disse: em 18.09.2016

    Meu filho tem 7 anos e tem esse problema porém o pai dele não deixa operar por conta da anestesia mas vejo o sofrimento dele tanto para dormir quanto no dia à dia principalmente para sentir cheiro.😞

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Não vou manifestar o que penso sobre o pai da sua filha. Ele apenas deveria parar e ler para entender que a não cirurgia aumenta muita mais as chances de complicações por infecção e risco de morte do que a cirurgia em si. Tanta gente com filho morrendo e viajando para outra cidade para ter um diagnostico ou lutando contra o SUS para poder operar. Desculpa, nem sei o que dizer quando leio uma msg destas!

  13. Adriana Souza disse: em 18.09.2016

    Olá! Meu filho foi diagnosticado pela Otorrino com uma adenoide de 60%. Ela só indica cirurgia se fosse acima de 70%. Passou medicamentos, tipo montelair e outros corticoides. Ele também tem rinite e sinusite e nessa época do ano com o clima muito seco ele sempre sofre com congestão nasal, dorme de boca aberta, etc. O que você acha que o procedimento da otorrino está correto? Ou corro o risco de piorar a saúde dele aguardando?

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Adriana, a OMS (Organização Mundial da Saúde) indica cirurgia da adenoide a partir de 70%, mas tbm afirma que outras questões precisam ser avaliadas. Não adianta nada ter 60% e infecções recorrentes ou ronco ou outros problemas.

  14. Patrícia disse: em 18.09.2016

    Oi Gabi meu filho tem 80%de Adenoide ele tem 5 anos e desde os três meses ele usa medicação hj ele usa o nasonex e melhorou muito a respiração dele ele só dormi cm a boca aberta quando a renitente ataca vc acha q precisa fazer a cirurgia agora ou espero mais

    1. Gabriela Gama respondeu: em 18.09.2016

      Sinceramente? Acho que seu filho já tomou remédio demais, vc já assuniu o risco de complicações muito piores além do prazo. 80% de obstrução é indicação cirúrgica inquestionável sendo indicada por volta de 2 anos. Corre que já está atrasada! Bjs

  15. Marcia Mendonça disse: em 19.09.2016

    Bom dia dr.Gabriela tenho uma filha que está com amidalite estou tratando indo no especialista nesse caso aa cada consulta ele me fala queela tem qquem te pelo menos ter o peso de 20a25 kiloela tem 4 anos e oito meses esta sempre com dor de ouvido

    1. Gabriela Gama respondeu: em 19.09.2016

      Olá Marcia. Eu não sou Dra, mas meus filhos e eu operamos ouvido e adenoide. Eu operei quando tinha 1 ano e 8 meses e não deveria ter mais do que 12kg, Olivia operou aos 9 meses com 10k e Pedro operou com 2 anos e 5 e aproximadamente 14kg.
      Não me faz sentido esta conta levando minha experiência como referência, mas talvez o médico não se sinta seguro em operar crianças pequenas, isso é comum, infelizmente. Já que me perguntou, considere uma segunda opinião e procure saber se este atende crianças bem pequenas.

  16. Elaine disse: em 19.09.2016

    Olá! Minha filha foi diagnosticada com adenoide de 90% a otorrino quer operar pois acha que a medicação não vai diminuir a adenoide devido já está muito grande, mas eu tenho medo pois a anestesia é geral, minha filha tem 3 anos e 5 meses, estou dando o broncho vaxom para levantar a imunidade dela que está muito baixa, como faço para perder o medo?

    1. Gabriela Gama respondeu: em 19.09.2016

      Acredite que hoje um óbito por anestesia geral é quase inexistente, mas que sua filha pode morrer por complicações respiratórias que poderiam ser evitadas. Não acredito no Broncho Vaxom e sim a conduta da otorrino está certíssima. Felizes aquelas que encontram alguém para operar seus filhos e o fazem porque aqui temos gente desesperada para conseguiur tal cirurgia como temos mães que seus filhos ficaram surdos para sempre por medo de algo simples. Tenho dois filhos e ambos foram operados, sendo a Olivia com 9 meses e correu tudo bem! Fique com Deus e vai dar tudo certo!

  17. Carla Cardoso disse: em 20.09.2016

    Gabriela, bom dia! Estou com a minha filha de 3 anos e 5 meses com adenoide hipertrofiada e otites, ela vem sofrendo, pois nao consegue ouvir bem e por isso nao fala bem, esta no tratamento clinico, mas nao vejo melhoras, esta na segunda otite em menos de dois mes, fora as que ela ja teve, ultimamente coloca as maos nos ouvidos e chora um choro muito alto e tbm começou a rocar e sentar durante o sono, fico desesperada pois ela tem ficado agitada e irritada. Dia 29.08 ela tem retorno na otorrino e espero que ela marque essa cirurgia, nunca pensei passar por isso.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 20.09.2016

      Carla, ela não deveria aguardar quase 8 dias se está com dor e incômodo o ideal é adiantar esta consulta. Pelo que me relata, ela precisa urgente da cirurgia, caso este médico não queira opera-la, procure um outro! Boa sorte e melhoras para sua pequena!

  18. Gisele disse: em 20.09.2016

    Agradeço o seu relato e a resposta aos comentários. Minha filha tem 2a4m e tem indicação de cirurgia desde 1 ano. Eu a tirei da creche e as otites melhoraram. Porém, nariz tampado, respiração pela boca e noites agitadas ainda são supercomuns por aqui. Adio a cirurgia com receio da anestesia e pq muitos médicos dizem que operando cedo as adenoides podem voltar a crescer. O que você acha? E pode nos contar mais sobre a cirurgia, como preparou seu filho e como foi a recuperação, por favor!

    1. Gabriela Gama respondeu: em 20.09.2016

      Gisele, se ela tem indicação cirurgica há tanto tempo, porque não fazer? Existem riscos muito maiores com as infecções que podem vir. Existe um pico de crescimento da adenoide que acontece entre 1 e 2 anos de idade, sua filha já passou disso há 4 meses. Minha filha operou aos 9 meses e por uma ma formação congênita precisou ser operada novamente e a adenoide não voltou, mesmo sendo retirada tão cedo. Sobre a cirurgia não tem segredo, ela vai tomar um xaropinho que fará com que ela não lembre de nada. O acesso na veia é feito no centro cirúrgico para que não haja trauma. Primeiros dias comida pastosa e convencer ela de que não pode pular como de costume e que precisa “descansar” por 7 dias. Acho que é a cirurgia mais simples que conheço, chatinho é quando tira a amídala junto. Lembre-se, o fato dela não ter otites, não significa que ela não vai ter prejuízo no seu desenvolvimento. Até quando vc vai ficar com ela fora da escola? Acho que ela está no prejuízo sem esta simples cirurgia!

  19. Carla Cardoso disse: em 21.09.2016

    Gabriela obrigada pelo seu retorno! Levei minha filha na emergência da clinica que esta sendo acompanhada, a otorrino que acompanha ela não estaria na clinica, outro medico atendeu e ela esta com otite, ela ta tomando antibiótico e é o tempo do retorno, se ela não quiser operar, com certeza procurarei uma segunda opinião. A adenoide pode voltar mesmo após a cirurgia? É comum que isso aconteça?

    1. Gabriela Gama respondeu: em 21.09.2016

      Carla, a adenoide tem seu pico de crescimento até os 2 anos de idade, depois disso dificilmente crescerá, mas se crescer, não será o suficiente para causar estragos. Espero que sua pequena melhore. Mande notícias por favor!

  20. Vânia disse: em 25.09.2016

    Meu filho tem 2 anos e 9 meses e tá com adenoide comprometida de 80% a otorrino dele falou que ele deve operar pois as amidalas tambem estão crescendo.O maior problema dele é o sono conturbado,passa as noites rolando e ronca.Quais os riscos dessa cirugia,a recuperação é tranquila.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 25.09.2016

      Os riscos são menores na cirurgia do que nas infecções recorrentes. Os dois primeiros dias são chatos pela amídala, mas uma comida pastosa e quase fria ajudará, além do delicioso sorvete que vc vai oferecer sem culpa. Sono ruim atrapalha não só o desenvolvimento neurológico, mas tbm o de fala e outras complicações. Opere e vai lembrar das noites mal dormida e pensar: porque raios não operei antes.

  21. Ana Freitas disse: em 05.10.2016

    Oi, a pediatra da minha filha falou em adenóide e pediu exames, pois ela ronca muito e tem apnéia durante o sono, ela tem 5 anos, por enquanto estamos fazendo exames, eu tenho adenóide desde criança e não operei tbm não me incomoda em nada, estou usando avamys por enquanto e está aliviando um pouco p ela dormir, a cirurgia é simples mesmo?

    1. Gabriela Gama respondeu: em 05.10.2016

      Ana, nem todo mundo que tem adenóide tem problemas, mas a apnéia e o ronco trazem outros danos ao longo do desenvolvimento. a cirurgia é muito, muito simples. Só acho que essa investigação deveria estar com o otorrino e não com a pediatra.

  22. Carla Cardoso disse: em 14.10.2016

    Gabi,,sou Carla mae da Rebeca, mudei de otorrino, ela pediu audiometria e o exame que mede a pressao, deu normal, curva A..conversando com a médica sobre a cirurgia da adenoide, fui informada que a criança é entubada e que esse procedimento tem riscos…gostaria de saber sua opniao, ja que ela vem fazendo tratamento clinico e tendo algum resultado, se nao seria o caso de esperar um pouco mais, ate porque no hospital que ela opera nao tem UTI pediatrica!

    1. Gabriela Gama respondeu: em 15.10.2016

      Olá Carla, tudo bem? Deixa eu entender, sua filha tem adenoide aumentada e precisa operar, é isso?
      Há alguns meses uma leitora veio a SP consultar o otorrino que operou meus filhos. Isso pq os filhos dela foram operados do ouvido e sequer investigaram a adenoide. Com os exames em mãos ela veio. Antes disso ela perguntou para a médica que operou os filhos do pq não ter olhado a adenoide e a mesma respondeu que não seria por sedação e sim anestesia geral e eles seriam entubados. Ela trouxe essa questão para o médico dos meus filhos e ele basicamente explicou que, toda e qualquer cirurgia tem riscos, mas que no caso de uma sedação, não entubar é muito pior. Sim os médicos precisam falar dos riscos pois sempre há um risco. Sair de casa é um risco, andar de bicicleta é um risco. Se sua filha não tem problemas de asma, bronquite ou algo muito grave, eu consideraria opera-la sim. Sobre a UTI, eu já recebi tantos depoimentos de gente que precisa operar e não consegue, ou gente que operou e foi ótimo. Nunca recebi um depoimento falando de complicações neste tipo de cirurgia. Fique em paz 🙂

  23. marisleide disse: em 14.12.2016

    Bom dia meu filho tem 10 meses e o nariz dele so fica entupido mesmo ele nao estando gripado.Toda vez que o levo ao medico ele recomenda lavar com soro fisiologico mas nao resolve e eu desconfio que seja adenoide ele ronca muito e chodea a ficar nervoso com o narizinho intupido o que eu faço alguen pide me ajudar???

    1. Gabriela Gama respondeu: em 14.12.2016

      Leve ao otorrinolaringologista que cuide de ouvidos. NENHUMA criança deve roncar nesta idade.

  24. Debora Ramiro disse: em 15.12.2016

    Olá, boa tarde!!! Meu filho estava com adenóide 95% fez cirurgia e retirou as amígdalas tbm aos 8 anos e meio de idade,hoje com 11 anos a adenóide voltou e esta com 50%,já realizou todo os exames e estamos aguardando o retorno com o Otorrino para avaliação, provavelmente desta vez faz a cirurgia do ouvido junto.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 17.12.2016

      É um caso raro e incomum, mas pode sim acontecer. Boa sorte!

  25. Sandra disse: em 01.06.2017

    Minha filha de 8 anos retirou adenoide a uma semana foi super tranquilo a cirurgia mais continua roncando e dormindo com a boca aberta ela tem renite o nariz continua tampado

    1. Gabriela Gama respondeu: em 14.06.2017

      Levará um tempo para que tudo se ajeite. Aqui estamos fazendo fono para melhorar a respiração da Olivia.

  26. Alessandra Prieto disse: em 02.06.2017

    Olá Gabriela! Poderia me passar o contato do otorrino que cuidou dos seus filhos? Meu filho de 2 anos está roncando há umas duas semanas e não tem gripe ou algum outro problema… estou preocupada. E também com medo de ir a um profissional qualquer. Muito obrigada!

    1. Gabriela Gama respondeu: em 14.06.2017

      Sim, claro: Raul Zanini
      segue o site: http://www.raulzanini.com.br

  27. Jucilene Pinho Rodrigues disse: em 06.06.2017

    Minha filha Júlia tem 5 anos está com adnoide 80%. Estou com a lista dos exame p cirurgia. Para adnoide e amigdalite tenho muito medo da anestesia. Meu coração esta doendo muito mas não aguento ver minha filha sofrendo para respirar.

    1. Gabriela Gama respondeu: em 14.06.2017

      Os riscos da adenóide não retirada são infinitamente maiores do que uma anestesia nos dias de hoje. Não tenha medo!

Deixe seu comentário