Você teria filhos se soubesse que seria difícil assim?

Categorias: Depoimentos Mães

você teria tido filhosEnquanto a Olivia gritava e chorava porque não queria se vestir, eu cansada e irritada em pleno fim do dia, ouço essa pergunta. Você teria filhos se soubesse que seria difícil assim? Eu respondi na lata: essa pergunta não se aplica já que não posso voltar atrás!

Eu fiquei pensando no quanto eu aproveitei a vida e no quanto eu era livre para ir e vir. Por alguns momentos eu quis voltar no tempo, eu quis ser apenas eu, eu quis ser apenas uma mulher bem sucedida no trabalho com um marido lindo que assim como eu, ama viajar e por isso viajávamos quase todos os finais de semana.

Talvez, se eu visse a cena de uma mãe aos prantos, esgotada e sem dormir por vários dias, eu diria que não, eu não teria tido filhos. Mas peraí, eu sempre sonhei em ser mãe de dois e sempre quis formar uma família.

Um filho ressignifica o amor, o sentido da vida, de família, do que sentimos em relação aos nossos pais. Renova nossas energias e nos faz querer ser melhor a cada dia. Mas só é possível entender e viver isso, depois que os filhos nascem.

A verdade é que a maternidade é leve para umas e pesada para outras. Tem mãe que não se importa se dorme bem ou mal, o que importa é que o filho esteja por perto. Tem mãe que ama o filho acima de qualquer coisa, mas precisa do seu espaço preservado na cama. Tem mãe que ama amamentar, tem mãe que faz porque sabe dos benefícios, mas não é o que mais lhe dá prazer na maternidade.

Cada família vive um contexto, cada família tem seu ritmo, mas uma coisa é certa. Toda família que tem um pai que compartilha das experiências, vive a paternidade como deve ser vivida e entende que a casa é responsabilidade do dois e as tarefas são dos dois, é uma família mais equilibrada e com uma mãe menos esgotada.

Também sabemos que quando a mãe está bem, todo o resto caminha bem, mas quando a mãe esgota e perde a paciência, parece que a casa toda se desorganiza.

Mas e aí a pergunta volta para a minha cabeça: você teria filhos se soubesse que seria difícil assim? SIM eu teria tido filhos independente do cansaço, da dificuldade, da falta de sono e dos perrengues todos que passei. Acredito que o melhor de nós cresce à nossa volta e que sou muito melhor do que eu era antes de me tornar mãe.

A maternidade me deu sorrisos e abraços que jamais ganhei. Me deu paciência, resiliência e ressignificou minha vida. Meus filhos me mostraram o que é amor, o que é ser criança, o que é felicidade. Eles me mostram e me reensinam as belezas da vida nos pequenos detalhes. Com eles, minha fé se renovou e minha esperança se fez presente em todo o tempo.

Sim, eu teria tido filhos mesmo sabendo que seria difícil assim! E você?

15 comentários

  1. Marcia disse: em 27.08.2016

    Não tenho filhos e toda vez que leio relatos de mães, tenho mais certeza da minha decisão de não ter filhos.
    Entendo que pessoas tem sonhos diferentes, mas eu pessoalmente não consigo compreender porque alguém abre mão de uma vida boa e tranquila para viver no caos.
    Não duvido do amor e dos laços criados ao se ter filhos, mas acho que se a maioria das mulheres soubessem o que iam enfrentar antes de conhecer esse amor, iriam no mínimo pensar duas vezes antes de tê-los.

    1. Barbara respondeu: em 03.02.2017

      Talvez se sua mãe não tivesse tido filhos, hoje você não estaria aqui marcia. Ser mãe é uma dádiva de Deus, que supera qualquer vida boa como citou. Abraço

      1. Jéssica respondeu: em 04.02.2017

        Bárbara, essa questão das escolhas da mãe de alguém não necessariamente tem a ver com a vontade de alguém estar no mundo, visto que não escolhemos nascer, mas sim como iremos viver. Justamente por podermos ter essa escolha, ver a maternidade como algo que seja uma dadiva religiosa vai de cada um, e os bônus e ônus sobre uma decisão tão grande como ter um filho tem sim que ser bem pensados. Cada mulher merece ter a liberdade de pensar muito bem sobre os rumos de suas vidas, especialmente num contexto onde a maternidade é muito romanceada e as mães super cobradas, e pouco se fala sobre o outro lado da moeda.

  2. Neide disse: em 29.08.2016

    Ser mãe é a melhor coisa do mundo,enfrentamos dificuldades, não é fácil ser mãe, mais essa experiência e muito gostosa e gratificante.

  3. Fernanda souza disse: em 30.08.2016

    Amo ser mãe,minha filha e o amor que eu não conhecia que nao imaginava que eu poderia sentir,minha filha tem 3 anos e eu vou viver esse amor novamente estou grávida .Essa amor de mãe chega doer de tão grande que é, sou apaixonada por minha filha.

  4. Camila disse: em 02.09.2016

    Gabriela, que perfeito seu texto hoje! é bem assim mesmo. Só que é mãe sabe o que é ser mãe. Só quem é mãe sabe valor do sorriso e a alegria conquistada. Quando você é mãe a vida fica mais leve.

  5. Carla disse: em 15.09.2016

    As suas reflexões sempre acrescentam muito em minha vida, me inspiram e me levam a analisar minhas atitudes com meus filhos, nessa rotina nem um pouco fácil , para conciliar filhos e trabalho, obrigado por suas contribuições , e parabéns !

  6. Janaina Prata disse: em 28.09.2016

    Que reflexão maravilhosa… Concordo plenamente que as vezes enlouquecemos mas o amor prevalece. Foi a melhor coisa que fiz em minha vida foi ser mãe do meu Arthur que amoooooooo muito. Hoje vivo para ele, por ele, mesmo passando por dificuldades sou feliz porque tenho ele, me tornei uma pessoa muito melhor.

  7. Grasiele disse: em 28.09.2016

    Tudo na vida tem um preço. Ser mãe tem as dificuldades que enfrentamos com os filhos, as preocupações, falta de paciência e estresse. É não ser mãe tem um vazio que nada poderá preencher.
    Tenho duas filhas e sou apaixonada por elas, daria minha vida pelas bençãos que Jesus me deu.
    Creio que só com Jesus podemos enfrentar todas e quaisquer dificuldades da nossa vida. Ele nos capacita e nos fortalece a cada dia, basta crermos Nele e em Sua fidelidade!??

  8. Grasiele disse: em 28.09.2016

    Ser mãe é ser completa como mulher!???

    1. Aline respondeu: em 03.02.2017

      Com certeza !
      Uma experiência maravilhosa que nos completa como mulher ❤❤❤

  9. Graziela disse: em 07.11.2016

    Certas horas dá vontade sim de ficar um pouco sozinha, ter um pouco mais de privacidade. Mas se arrepender de ser Mãe, nunca! Com o nascimento da minha filha eu renasci, me transformou em outra mulher. Hoje posso dizer que sou uma mulher completa!

  10. Cinthia disse: em 03.02.2017

    Ainda não sou mãe, me pergunto muito a respeito da maternidade; somos somente meu esposo e eu moramos distantes da família. Ambos amam crianças mas não sabemos se ainda estamos prontos para a chegada de um bebê.

  11. Luciana disse: em 03.02.2017

    De fato ser mãe é difícil mas o amor é intenso e imenso. E só se conhece e se sabe o que uma mãe passa quando se sente na pele. Eu amooo meu bebê, mas se soubesse que seria assim não teria filhos.

  12. Himura Leandro disse: em 04.02.2017

    Ser mãe é uma dádiva que só vcs mulheres teriam o prazer de ter. Eu consegui acompanhar lado a lado os primeiros anos dá minha pequena que hj tem três anos. Mas o desgaste foi muito grande e acabamos nos separando. Eu sou um pai muito presente, vejo minha princesa a cada um ou no máximo dois dias. Não suporto ficar mais tempo longe dela. Abdiquei muita coisa, e faria tudo novamente. Um texto muito inspirador, parabéns.

Deixe seu comentário