Ter uma babá não te faz menos mãe

Categorias: Comportamento Cuidados/Saúde Filhos Mães

ter uma babaIsso porque você tem babá, imagine eu!

Essa é uma das frases mais ouvidas pelas mães que optam por ter uma pessoa que ajude a cuidar das crianças.

Como tudo na vida é cíclico, estamos no momento: Não terceirize a educação do seu filho! Dedique-se em tempo integral ao seus filhos.

Não estamos falando de terceirizar a educação e a criação de uma criança. Estamos falando de alguém que nos dê suporte ao longo do dia para que possamos cuidar de outras coisas além dos filhos.

Há quem diga que não consegue deixar o filho longe nem por um minuto. Eu costumo dizer que mesmo amando loucamente meus filhos, poder tomar um banho sem ter um choro sentido como música de fundo, tomar um café como se deve e poder ir ao mercado sem duas crianças tão pequenas a tira colo, é libertador. Mas isso não é possível todo dia. Muitas vezes quando nos damos conta, o dia acabou e não fizemos nem metade do planejado

Uma babá ou uma empregada doméstica não nos tira a responsabilidade de criar e educar um filho. Receber ajuda na hora do banho, da fralda ou na hora das refeições não faz de nós mães piores ou ausentes. Colocar o filho na escola meio período ou período integral, não nos faz melhor ou pior, cada mãe tem uma necessidade, trabalhando ou não fora de casa.

Costumo dizer que a rotina de um filho, dois ou mais, é bastante insana. Basta os filhos que já estão na escolinha, entrarem em férias para as mães entrarem em pânico. Nessas horas, casas de brincar, colônia de férias ou a casa da vovó são super bem vindas.

Não curto babá de fim de semana, não acho necessário, mas hoje com dois filhos em idades tão próximas, não julgo quem opte por isso, e em determinados momentos desejo muito poder almoçar uma comida quentinha sem ter sido requentada 3 ou 4 vezes.

Tudo na vida é bom senso, com os filhos não pode ser diferente e isso serve para a babá, para a escolinha, para a alimentação e horários da casa. Nada como uma boa dose de bom senso para que tudo se equilibre.

Aprendi que com filhos, toda ajuda é muito bem vinda!

1 comentário

  1. Tais disse: em 24.02.2017

    Nossa isso é super verdade tenho 2 filhos o mais velho tem 5 anos e a mais nova tem 1 ano e 5messes coloquei ela na escolinha com o irmão esse ano estou sofrendo muito mesmo sendo só a tarde ela chora pra ir ,parti meu coração vê-la chorando mais sinto que presciso disso ate pra poder arranjar um emprego. Ajuda sempre é muito bom quando se tem crianças pequenas

Deixe seu comentário