A volta da mamadeira

Categorias: Cuidados/Saúde Desenvolvimento Filhos

a volta da mamadeiraNo início do ano, levei o Pedro para uma consulta com a nossa dentista. Depois de examiná-lo, ela pediu que começássemos a tirar a chupeta e a mamadeira. Pedro tem mordida aberta (característica de quem usa chupeta ou chupa o dedo) e não tem uma oclusão adequada. A retirada da chupeta e da mamadeira, foi o caminho adotado para tentar reverter a mordida aberta do Pedro.

Voltei pra casa animada, passei numa loja e comprei um copo de treinamento super colorido, com bico rígido como indicado e fui feliz mostrar a novidade pro Pedro. A alegria durou pouco menos de 1 semana, quando ele passou a recusar o leite no copo. Tentei oferecer na mamadeira, mas ele também não aceitou.

Passados quase dois meses, Pedro foi dormir na babá e lá encontrou uma antiga mamadeira, a qual ele animado pediu pra tomar um leite quentinho. Aos poucos percebi que ele estava sentindo falta do leite, mas não queria toma-lo no copo.

Peguei uma mamadeira da Olivia (que nunca usou porque não aceita a bendita de jeito algum) e comecei a oferecer leite morno. Aos poucos ele voltou a tomar o seu leitinho antes de dormir. A rotina nunca mais foi a mesma desde então. Semanas sem nenhum leitinho morno, outras semanas com muito leitinho, até durante o dia.

Em breve o Pedro passará em consulta com a dentista. Voltaremos sem ter tirado a mamadeira e menos ainda a chupeta, fracasso total nessa missão. Mas quer saber? Não me sinto incomodada com isso.

Não consigo enxergar a total exclusão desta duas coisas a médio prazo, então vamos seguindo assim mesmo. Mais do que um sorriso bonito nesta fase, eu prefiro um filho se sentindo seguro e feliz. MAS… isso não significa que eu incentive e apóie o uso da chupeta e da mamadeira. O que quero dizer é que cada um sabe o que se passa dentro de casa, e com a maternidade a gente aprende que não existe o certo e o errado. Existem escolhas.

1 comentário

  1. Avatar
    Isabella disse: em 13.08.2015

    Meu filho tem 2 anos e 8 meses e sempre Mamou muito a noite. Teve uma época q foram 5 por noite. Como ele nasceu prematuro ele passa pela nutricionista e ela ficava me dizendo q eu tinha q tirar essas mamadas da noite. Fiz várias tentativas q foram um fracasso. Com o passar do tempo ele passou a mamar menos a noite. Na última consulta q foi a 2 meses atrás ele estava 3 mamadeiras (1 pra dormir, outra de madrugada e 1 de manhã), ela mas uma vez falou q ele não precisa mamar tudo isso. Mas explicar pra uma criança de 2 anos isso. Fiz vários testes ( passei a dar a janta mais tarde, batia fruta no leite…) e nada ele acordava de madrugada pedindo mama. Hj ele não mama mais de madrugada e as vezes nem para dormir. Aprendi com isso q ele tem o tempo dele e não ainda querer fazer do nosso jeito ou do jeito q os profissionais falam.

Deixe seu comentário