Cia dos Bichos SP

Categorias: Dicas Passeios
Fui criada à moda de interior. Onde nasci até pouco tempo atrás, poucos eram os altos prédios e grandes construções. Brincávamos na rua e por perto sempre havia um sítio ou algo cheio de bichos “da fazenda”. Certa vez meu avô comprou um bode e uma cabra. foi marcante acompanhar o parto de 2 filhotinhos da cabrita, era a atração lá da praia onde tínhamos casa, no dia seguinte ao parto parecia uma romaria até a bichinha. Acho que muita gente ali nunca tinha visto uma cabra pessoalmente. Me lembro desta fase bem divertida. Logo depois meu avô deu a bichinha pra um senhor que tinha um sitio e bastante espaço pra ela e os cabritinhos.
Depois que eu vim pra cidade grande, nunca mais tive contato com esses bichos da infância. Tudo que consegui ver desde então, foram tartarugas, patos e marrecos no parque aqui em frente de casa. Já havia visto algumas fotos da Cia dos Bichos no Facebook de amigas que haviam levado seus filhos, mas demorei um pouco para ir conhecer por não curtir animais em cativeiro. Dei uma boa lida no site e os animais me pareceram bem cuidados e com uma boa qualidade de vida.
Aproveitamos a vovó aqui em casa e fomos os 4 para o passeio. Programamos a chegada para o meio da manhã por causa do calor e por ser o período que o Pedro mais curte brincar. Chegamos pouco antes das 11h da manhã e já no estacionamento fomos muito bem recebidos. Passamos por uma agradável estradinha até chegar na entrada. Passamos pela bilheteria e logo que iniciamos o passeio encontramos as mini cabras, todas curiosas e dispostas a comer a roupa de quem entrava no cercadinho. no inicio o Pedro ficou um pouco acuado e incomodado com as pessoas, mas foi só ver o campo de futebol e a bola que ele esqueceu o resto do passeio, pelo menos por um tempo.
Assim que ele foi ficando a vontade, fomos caminhando com ele pela fazendinha, apresentando os bichinhos e contando uma historinha sobre cada um deles. Ele adorou os patos, não quis saber da ema, imitou os porquinhos, tentou acariciar o galo e se apaixonou pelos coelhos. Assim que ele entrou e viu os coelhinhos deu gargalhadas de felicidade. Infelizmente logo que ele começou a brincar, chegou a hora do descanso dos bichinhos. Ele ficou chateado mas logo saiu correndo e passeando novamente.

De todas as atrações da fazendinha não gostei do passeio de charrete e nem do passeio de cavalo. Embora esses bichinhos tenham bastante tempo de descanso, achei que eles não mereciam o peso da charrete, mais um adulto e uma criança (no mínimo), para depois ser puxado por um guia. Senti pena desses bichinhos e se pudesse, faria uma campanha contra esses passeios.

Entre uma brincadeira e outra oferecemos sanduíche, fruta e suco, mas ele tava tão eufórico com as novidades que não quis saber de comer nada, tudo que ele queria era correr e brincar. Foi um tempo delicioso e diferente. Assim que ele começou a pedir colo, resolvemos ir embora, assim ninguém sairia tão exausto. O passeio durou aproximadamente 2 horas, suficiente pra ver tudo e aproveitar o local.
O custo do passeio é de R$ 40,00 por pessoa, estudantes e idosos com carteirinha, tem 50% de desconto. Crianças menores de 2 anos não pagam entrada. Acho que vale o passeio.
Algumas fotos do nosso passeio na Cia dos Bichos:
  

Deixe seu comentário