Primeiro corte de cabelo

Categorias: Desenvolvimento Filhos
Ainda com cachinhos

Com pouco mais de 1 ano e 2 meses, o Pedro cortou seu cabelinho pela primeira vez. O encontro dos cachinhos com a tesoura foi emocionante.

Desde a barriga o pai do Pedro dizia que não queria cortar o cabelo dele, queria deixar grandinho e bagunçado, pois na infância ele sempre teve o cabelo cortadinho bem curto, o que durou a vida toda. Quer dizer, ele tentou deixar crescer depois de adulto mas definitivamente não ficou bom e desistiu.Resistimos bravamente até aqui sem mexer nos cachinhos quase dourados do Pedro, mas admito que há algum tempo estava precisando ser apresentado à tesoura, foi aí que decidimos como e quando cortar.
Conhecendo a penosa

Embora não tenha muita frescura para um monte de coisas, queria que o primeiro corte fosse algo divertido pra mim e pra ele, além de tranquilo, claro! Por estes motivos decidimos leva-lo a um salão infantil, já que eles tem um ambiente totalmente preparado para crianças e tem experiência no assunto.

Entrei no site e descobri que o corte na quarta feira tem 20% de desconto, achei ótimo, pq esse lugar não é nada barato. Hoje cedo liguei pra marcar horário, a principio levaria ele depois do meu expediente de trabalho, mas como um almoço de negócios foi desmarcado, não contive minha ansiedade e levei ele no início da tarde mesmo. Busquei o Pedro em casa e fui toda faceira pro shopping. Cheguei lá e o salão estava vazio. Achei ótimo já que o filhote não é muito fã de muvuca. Na frente de uma das cadeiras a TV já estava ligada e tocando uma música que nunca tinha ouvido antes, o Pedro já ficou interessado e eu aproveitei para acomoda-lo confortavelmente na cadeira espacial bem colorida e fofa.

Hora da franja

Chegou o cabelereiro que foi muito simpático e atencioso, perguntou o que eu esperava do primeiro corte e se gostaria de guardar os cachinhos. Entregou dois brinquedos na mão do Pedro e colocou a capa protetora. Enquanto isso Pedro estava fixado na TV, muito mais do que ele fica aqui em casa. Entre uma tesourada e outra eu tirava mil fotos na tentativa de ter uma bem linda de lembrança deste momento, mas como fotografia definitivamente não é o meu forte, ficou tudo mais ou menos, mas o que vale é o esforço, risos.

Corta daqui, corta dali e chegamos num resultado satisfatório. Pedro continuava vidrado na TV sem nem piscar, até que descobri que o DVD era da tal Galinha Pintadinha. Ele não conhece a penosa, porque aqui em casa não temos nada dela, mas mesmo sem saber que era a dita cuja ele ficou fascinado por aquele desenho que nunca havia visto.

Depois de passar a maquininha para fazer o acabamento, tirar os cabelinhos do pescoço e tirar a capa, fomos ao caixa pagar a conta. Como era primeiro corte, o Pedro ganhou um certificado em seu nome com os cachinhos que foram cortados para guardar de lembrança.

Certificado com os cachinhos

Hoje foi um dia pra lá de especial, estréia da tesoura, da penosa (Galinha Pintadinha) e seu primeiro certificado. Tudo muito fofo e preparado com bastante carinho para fazer deste momento um evento.

Nós fomos no Glitz Mania, mas sei que existem vários outros salões parecidos com este por São Paulo. Eu super recomendo o primeiro corte lá.

Para quem quiser saber, o custo do corte na Glitz Mania é R$ 64,00 (fevereiro 2014), é caro, bem caro, mas acho que vale a pena. Como cortamos no dia do desconto pagamos R$ 51,20. Então se você tem um tempinho para ir neste dia já economiza pro cafézinho ou pro sorvete depois do corte.

 

Deixe seu comentário